quarta-feira, 14 de julho de 2010

Adriano Nunes: "Amplidão"

"Amplidão"

Entre o caos
E o meu cérebro,
O mistério:
Vida e verso.






Um comentário:

betina moraes disse...

adriano,


tem um tempo que não venho...

"sonho" é um daqueles jogos que você sabe fazer com as palavras, como se elas fossem dispostas ao seu comando, ao seu lirismo. não há barreiras para a sua construção poética. muito bom , cara amigo, muito bom!


um beijo.