terça-feira, 24 de julho de 2012

Adriano Nunes: "Código de barras"

"Código de barras"



Alguma coisa está sem DNA em meu cérebro.
Sonhos, saudades, sentidos, segredos.
Alguma coisa está sofrendo em meu cérebro.
Faltas, farpas, fomes, fúrias, fraquezas.

Alguma coisa pesa.
Alguma coisa incerta.
Alguma coisa às  pressas.
Alguma coisa inquieta. 
Alguma coisa plena.

Alguma coisa que interessa.
Alguma coisa mais que pedra.


O silêncio.

2 comentários:

rodrigo tomé disse...

Amigo, seus poemas são de uma delícia sonora inquietante. Parabéns e obrigado! Caso se intersse, meu blog tem poesias e traduções de minha autoria.

Um abraço!

ADRIANO NUNES disse...

Caro Rodrigo,

muito obrigado! Irei ao seu blog sim!


Abraço forte,
Adriano Nunes