segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Adriano Nunes: "Pensando o tempo"

"Pensando o tempo"



Dúvidas,
Dívidas íntimas,
Dores.
Descanso um pouco.
Durmo

Com os Drummonds,
Desmonto o mundo
Que é todo meu. 
Sonho miríades
De sóis e estatísticas,

Pra resgatar-me
Do vácuo vivo
Do coração.
Rasga-se o céu,
Pelo  meu pranto.









3 comentários:

Celso Mendes disse...

E goteja poesia...

Bravo!

Lara Amaral disse...

Muito bom, Adriano!

Beijo.

Carmen Silvia disse...

Reviras, desviras, poema e sempre amas, mesmo que em prantos sempre amas...

Um beijo.